ALGUMA VEZ VOCÊ JÁ OUVIU UMA HISTÓRIA SUPER LEGAL E PENSOU OU DISSE: AH SE EU PUDESSE! Essa é uma das frases que eu mais escuto toda vez que conto pra alguém que eu larguei tudo para ficar dois anos viajando o mundo. Sabe o que eu sempre respondo? “E porque você não pode?”.

Essa frase, que sai de forma tão natural e impulsiva da boca das pessoas, sempre me intrigou. Afinal, porque a pessoa acredita que eu pude e ela não pode? É engraçado como a maioria das pessoas atribui a possibilidade de realizar um sonho a fatores externos, que estariam totalmente fora do seu controle. É sempre a culpa de alguém ou de alguma coisa, e nunca dela mesma.

O que será que elas pensam que aconteceu no meu caso? Que eu ganhei essa viagem de presente de alguém, que eu vim de uma família muito rica e nunca precisei trabalhar, que o meu chefe um dia chegou e disse: “Carol, a nossa empresa gosta muito de você então achamos que seria uma ótima oportunidade você ficar viajando o mundo por dois anos e nós vamos te apoiar.”, ou que eu tive e tenho muita sorte na vida e elas não. Sei lá, mas alguma coisa assim deve passar na cabeça delas.

Eu sempre digo nessa hora: “Ninguém disse pra mim que eu podia fazer. Eu decidi fazer e fiz acontecer. Se eu ficasse esperando alguém me permitir isso eu não faria nunca. Sim, você pode fazer o que você quiser. Mas quem tem que se permitir é você.”

As pessoas nem percebem que repetir essa frase “Ah se eu pudesse” em suas cabeças é exatamente o que vai sempre impedi-las de realizarem o que querem de verdade. Por que pensar assim não leva ninguém pra frente. Pelo contrário, te deixa parado no mesmo lugar.

É o nosso pensamento que faz a diferença para realizar e alcançar coisas, pois são eles que fazem nosso corpo se mover. Se você pensar que não pode, que não consegue, que pra seria impossível, que não é pra você… é exatamente isso que vai acontecer. Se você pensar que você pode, que você consegue, que você é capaz, que você vai encontrar um meio, o seu corpo se mobiliza para fazer acontecer. Pois seria muito triste pensar que sua vida estaria pra sempre no controle de forças externas e não no seu controle. Elimine o NÃO da sua vida!

Quando eu decidi largar tudo para viajar o mundo foi a primeira vez que eu me dei conta de que estava controlando a minha vida para realizar as coisas que eu queria, ao invés de deixar ela ser levada por forças externas. Eu decidi viajar o mundo e fiz. Eu decidi que não iria mais procurar um trabalho tradicional e fiz. Eu decidi que mudaria meu estilo de vida e mudei. Eu decidi que só faria coisas que ajudassem outras pessoas a ter uma vida melhor e estou me esforçando pra isso. Eu decidi que quando tiver um filho vamos viajar de carro com ele por 4 anos, e é exatamente o que vou fazer. As forças externas não me interessam mais, porque eu entendi que sempre existem meios de se conseguir as coisas que queremos de verdade e que só depende da minha vontade em realizar.

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Histórias, Inspire-se

Estou de saco cheio de ouvir pessoas dizendo que não podem isso, não podem aquilo, que é tudo muito difícil, que pra elas é impossível… Ninguém disse que ia ser moleza, mas superar os desafios traz adrenalina e excitação pra vida. Sai do sofá, mexe a sua bunda, se coça e acredita que você pode! Mas se mexe agora, não daqui há alguns anos. Porque se você não fizer ninguém vai fazer por você!

Curtiu? Então compartilha!