VOCÊ ESTÁ LÁ NA INDONÉSIA E QUERIA COMPRAR UMA COISA LINDA PRA SUA CASA. MAS VIAJANDO UM ANO DE MOCHILA NÃO DA PRA LEVAR COM VOCÊ. COMO ENVIAR COISAS PARA O BRASIL? Muitas pessoas nos perguntam sobre isso. Não é complicado e dependendo de onde você envia pode sair barato.

Qual a forma mais barata?

A forma mais barata de enviar mercadorias para o Brasil é pelo correio local do país onde você está, escolhendo sempre a opção via navio. Ela é bem mais lenta, mas é mais barata do que a opção avião. Esqueça as opções por transportadoras privadas. É mais ágil e seguro mas o custo é bem mais elevado.

Quanto tempo leva?

O transporte via navio pode levar até 3 meses, mas as vezes chega antes. Também pode acontecer de demorar mais tempo. Como você está viajando e não tem pressa pra receber a mercadoria não vai ser um problema.

É 100% seguro?

Pode acontecer da mercadoria nunca chegar, mas são poucos casos. Nunca conhecemos um viajante que não recebeu o que enviou, porém esteja ciente do risco. Mas acreditamos que numa longa viagem pelo mundo você só vai se dar o trabalho de fazer isso se for uma coisa que vale realmente a pena financeiramente, afinal você não vai estar com dinheiro sobrando. Geralmente as pessoas mandam mercadorias de baixo custo e se não chegar a perda não vai ser tão grande assim.

Quanto custa?

É claro que o custo vai variar conforme o país e você dificilmente encontra essa informação pela internet. Nos países baratos da Ásia o custo de envio por quilo pode custar entre 7 e 10 USD.

Observações importantes:

  • Verifique no correio local as dimensões e peso máximos aceitos por embalagem.
  • Você precisa especificar o conteúdo da caixa, por isso conheça as regras de cada país e saiba o que não pode ser enviado pelo correio. Ex: na Tailândia não pode enviar imagens de Buda, na Turquia é proibido o envio de algumas pedras, etc.
  • Lembre-se que você deverá colocar o valor das mercadorias enviadas. Se o valor for maior de 50 USD sempre existe o risco de ser analisado pela receita aqui no Brasil e ocorrer tributação na hora da retirada.
  • Como sua caixa vai de Navio, ela pode ficar exposta e se molhar. Então cuidado com o que vai enviar. Vi uma viajante contando essa história e seus livros chegaram encharcados.

Agora vou falar sobre a nossa experiência… Quando saímos do Brasil a gente se informou sobre essa possibilidade de enviar as coisas e pegamos dicas com outros viajantes, mas no final nunca mandamos nada. Minha primeira vontade de comprar coisas foi na Indonésia, em um mercado em Ubud que tem coisas de decoração maravilhosas e super baratas. Mas daí o Alexis sempre me falava, “Mas o que a gente vai fazer com isso? Nem temos mais casa, nem sabemos onde colocar, nem sabemos quando vamos voltar…” Ele tinha razão e depois concluímos que não fazia tanto sentido.

No início você ainda sente o impulso consumista, mas com o tempo você aprende a desapegar e desencana desse hábito de fazer compras. A gente só comprava alguma coisa durante a viagem por necessidade.

A melhor lembrança que você vai ter são as experiências que você vai viver.

Curtiu? Então compartilha!