ESSE TÓPICO COM CERTEZA VAI TE SURPREENDER. Se você é daqueles que sempre viajou para a Europa, Estados Unidos, Austrália e outros países caros, provavelmente está pensando que a hospedagem vai pesar muito no orçamento. Sua visão está deturpada pelas suas referências. Esqueça tudo isso. Hospedagem pode sair bem em conta. Vamos por passos:

PASSO #1: COMO É UMA HOSPEDAGEM BARATA
PASSO #2: TIPOS DE HOSPEDAGEM
PASSO #3: COMO ENCONTRAR HOSPEDAGEM BARATA
PASSO #4: FAZER RESERVAS DE HOSPEDAGEM OU NÃO

COMO É UMA HOSPEDAGEM BARATA

Se você deseja viajar por longo prazo pelo mundo sem gastar uma fortuna o primeiro passo é rever os seus conceitos nesse aspecto. Saiba definir o que é frescura e o que é necessidade.

O QUE É UMA HOSPEDAGEM BARATA?

Não vamos tentar enganar ninguém. Não espere um lugar luxuoso, com muita decoração, cheio de móveis, 5 mil travesseiros na cama e pessoas te servindo 24 horas. O que você precisa é apenas de um lugar confortável para dormir e que você se sinta bem. Uma hospedagem barata não precisa ser um pardieiro. Não estamos falando de lugares caindo aos pedaços não, estamos considerando lugares com os quesitos básicos de higiene e conforto (atenção: conforto não quer dizer luxo e frescuras). Você não precisa abrir mão das condições mínimas que interferem na sua satisfação (satisfação: esse é um conceito que vai mudar muito na sua cabeça durante a viagem e aprendemos que tudo pode ser mais simples).

É claro que de um país para o outro e até mesmo de uma cidade para a outra o padrão varia muito e as vezes não conseguimos encontrar nada que nos agrade com um custo mais em conta. Nesse caso você tem duas opções: pagar um pouco mais caro pra ter uma hospedagem melhor ou relaxar e ficar na mais barata mesmo se você vai ficar ali poucos dias.

O QUE ESPERAR DE UMA HOSPEDAGEM BARATA?

Na média elas entregam o que listamos abaixo. Mas as vezes podemos ter surpresas maravilhosas. O que vier é lucro.

  • Um quarto com a cama somente (as vezes tem outros móveis, como uma cadeira ou mesinha)
  • Paredes lisas sem muita decoração
  • Banheiro no quarto ou compartilhado (em países baratos quase sempre com banheiro no quarto)
  • Toalha e lençol (toalha varia de local, alguns podem não oferecer, mas a maioria oferece)
  • Limpeza (barato não significa sujo)
  • Serviço básico (apenas alguém para te entregar a chave e que você pode recorrer em caso de dúvidas – nem sempre tem recepção)

Veja algumas imagens de lugares super baratos que nos hospedamos pelo mundo. Alguns eram bem bregas, outros tinham decorações exóticas, outros eram muito simples, outros rústicos, outros bem legais, outros tinham uma natureza linda em volta; pegamos de tudo. O que vale é que eram todos limpos e tinham uma cama confortável pra gente dormir. Nem sempre você vai achar coisas baratas super legais, mas é possível encontrar muita coisa boa pelo caminho.

 

QUANTO CUSTA UMA HOSPEDAGEM BARATA?

Isso varia muito de um país para o outro, mas se dividirmos em 2 grupos (países com baixos custos para viajantes e países com altos custos para viajantes) já fica bem realista. O quadro abaixo indica uma média geral e está com todos os custos em dólares (US$):

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Hospedagem

Ficou impressionado? Mas pode acreditar na gente. Durante 2 anos de viagem, nós raramente pagamos mais de 25,00 dólares em uma diária de hotel (para nós dois), com exceção de países com custo muito elevado. Acima desse valor a gente já considerava muito caro.

ABRA A SUA MENTE:

O principal é não ter preconceito e entender que barato não significa ruim e sujo. Você pode se surpreender pelo caminho. Experimente antes de julgar. É isso que faz a diferença pra você aprender a viajar barato.

Outro ponto para você refletir: hostels e hotéis não são as únicas opções de hospedagem pelo mundo. Descubra outras opções na próxima aba.

FICA A DICA

Se você é daqueles que só viaja em hotel de rede, escolhe os hotéis pela decoração do quarto e adora um hostel design, no início você vai estranhar e reclamar. Mas é só uma questão de tempo pra você se adaptar e começar a valorizar o que realmente importa na vida. Eu já contei essa história antes, aconteceu vezes deu chorar no início por frescura com a hospedagem, mas depois de um tempinho isso nunca mais foi relevante.

TIPOS DE HOSPEDAGEM

Abaixo listamos 9 tipos de hospedagem encontrados pelo mundo para você abrir a sua mente. Dormir em um monastério, na casa de um local, num barco… Tudo é possível.

Usando alguns dos links dessa página para fazer suas reservas você estará ajudando a manter o projeto ViraVolta vivo sem gastar nada a mais por isso! Nós agradecemos a sua ajuda.

FICANDO COM LOCAIS

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem pelo mundo Nós adoramos essa opção, pois oferece a oportunidade de interagir com a cultura local de forma muito natural e pode trazer lembranças inesquecíveis para a viagem. Existem várias comunidades de pessoas pelo mundo que abrem as portas de suas casas pra te receber sem cobrar nada, com o intuito de conhecer outras culturas. Mas não use essa opção apenas para economizar. Você precisa estar no clima para interagir, afinal quem te recebe está sendo muito generoso e seria desagradável você tratar tudo de forma indiferente como se fosse um hotel.

E como não é um hotel, não existe garantia de conforto, de privacidade e etc. As vezes a pessoa oferece um sofá, um colchonete no chão ou um quarto privado. No perfil do anfitrião vem especificado o que ele oferece. Fique bem atento à localização, pois muitas opções ficam em áreas mais afastadas do centro. É muito comum ver gringos nas comunidades, mas se você quer uma experiência mais original tente ficar com os nativos. Fique tranquilo, o sistema é seguro, pois todos os participantes tem os comentários positivos e negativos registrados e não podem deletar. Se alguém já fez merda vai ficar registrado pra sempre. Avalie com calma e é bem difícil cair em furada. Além disso, faça o seu perfil com carinho, afinal o anfitrião também não quer receber qualquer um.

ONDE ACHAR?

Couchsurfing – é onde temos a nossa conta e estamos abertos a receber viajantes (encontre a gente como “Alexis and Carol”).
WarmShowers – é uma comunidade com o mesmo conceito do CS porém focada em viajantes de bicicleta.
Alguns viajantes encontram oportunidades pelo caminho, com pessoas estranhas que convidam pra dormir em casa. Essa também pode ser uma opção.

HOUSE SITTING

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Hospedagem, house sittng Pra quem nunca ouviu falar, esse é um esquema onde o dono de uma casa vai ficar um tempo fora e precisa de uma pessoa pra ficar na casa dele para alimentar os animais, regar as plantas e outras responsabilidades. A vantagem é que você pode ficar em um lugar muito confortável e se sentir em casa, mas em contrapartida precisa dedicar tempo diariamente para cumprir as tarefas acordadas, o que geralmente não é muito pesado.

O número de ofertas é muito maior nos países mais desenvolvidos, o que é bom, pois é justamente onde a acomodação sai mais cara. Mas para ser aceito você precisa montar um bom perfil nos sites de Housesitting para inspirar confiança nos donos das casas. Tudo fica mais fácil depois que você conseguir criar um histórico com os comentários dos donos de casas que você já cuidou. Pode ser uma experiência diferente. Conheça o site do casal que viaja o mundo fazendo isso em casas super legais. Eles têm até um e-book com dicas.

Crédito da foto: HouseCarers

ONDE ACHAR?

Apesar de todos os sites terem uma taxa anual, não desanime, pois ela é pequena perto do que você pode economizar. Na maioria você pode pesquisar ofertas e até se cadastrar gratuitamente, mas para se oferecer à uma vaga precisa pagar a taxa anual.
TrustedHousesitters – o que tem o maior número de ofertas e por isso tem a maior taxa.
HouseCarers – tem uma lista de ofertas muito boa também e é forte na Austrália e América do Norte.
LuxuryHouseSitting – tem uma taxa pequena e bastante oferta até, forte na América do Norte e Europa.
MindMyHouse – tem a menor taxa mas também tem menos ofertas, forte na América do Norte e Europa.

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem, House Sitting

MONASTÉRIOS

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, HospedagemEssa pode ser uma experiência bem diferente para viver na sua viagem. O custo varia, alguns oferecem dormitórios compartilhados, alguns não cobram nada ou pedem apenas por uma simples doação. Os quartos geralmente são simples, sem muita decoração, bem em estilo Monastério, como você deve imaginar. Em alguns você pode ter a experiência de conviver com monges, comer da comida que eles preparam e curtir a mais pura tranquilidade. Em alguns monastérios da Ásia só é permitido se hospedar se você seguir as práticas de meditação.

Crédito da foto: Saiporai

ONDE ACHAR?

A melhor opção é pesquisar na internet, guias de viagem e pedir dicas em cada país visitado.
MonasteryStays – site para encontrar Monastérios na Itália, porém são esquemas bem mais profissionais e focados em receber turista, o que deixa mais caro.

POUSADAS E CASAS DE FAMÍLIA

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem pelo mundo São negócios menores e com menos opções de serviços. Pode ser até mesmo uma casa de família com 3 quartos para turistas. É possível encontrar opções bem em conta pelo mundo, muitas vezes mais baratas que hostels. Mas provavelmente você não vai encontrar as mais baratas na internet ou em sites de reservas. Geralmente são mais simples e nunca capricham muito na decoração. O padrão é parede lisa, uma cama e um banheiro. Muitas vezes nem têm cadeira ou mesa. Mas o importante é que o lugar seja limpo, com uma cama confortável e pessoas agradáveis.

ONDE ACHAR?

As baratas mesmo somente com dicas de outros viajantes, guias de viagem e explorando a cidade a pé em busca de opções. Passamos mais detalhes na próxima aba.
Agoda – esse site oferece ofertas por menos de 10 USD na Ásia principalmente. Lembre-se de colocar pelo menor preço na pesquisa.



HOSTELS

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Hospedagem, hostelOs hostels estão cada vez mais populares, alguns oferecem quartos privados, mas nem sempre são a opção mais barata. Costumam ser um bom negócio pra quem viaja sozinho e vai ficar em quarto compartilhado, mas para um casal ou uma dupla nem sempre. Um quarto privado em uma casa de família pode sair mais em conta do que duas camas compartilhadas em um hostel. Para cidades caras eles tendem a ser uma boa opção.

A grande vantagem é que eles são um lugar perfeito para socializar com outros viajantes e ajudam você a economizar na alimentação, pois geralmente oferecem cozinha compartilhada. Ah, jamais esqueça de levar uma máscara para os olhos e um protetor de ouvidos pra garantir uma noite de sono mais tranquila se você vai dormir em um quarto compartilhado.

Crédito da foto: Hostelworld

ONDE ACHAR?

HostelWorld muito fácil de usar, ver a localização no mapa e com comentários de quem já se hospedou. É o que nós usamos.
HostelBookers pra quem gosta de conferir sempre uma segunda opção. Eles não cobram taxa de reserva.
Worldpackers hospedagem gratuita em troca de trabalho voluntário. Conheça mais sobre essa opção e outras similares.

Book Hostels Online Now

ALUGUEL DE CASA/APARTAMENTO

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Hospedagem, aluguel de apartamentoAlugar uma casa ou apartamento só pra você pode ser uma boa opção pra quem deseja ficar algumas semanas no mesmo lugar, para cidades caras e para quem viaja em 2 ou mais, pois aí compensa dividir o custo. Esse tipo de hospedagem oferece privacidade, te faz sentir em casa e você ainda economiza em alimentação, pois vai ter uma cozinha à disposição. Fique bem atento à localização, pois muitas opções ficam em áreas mais afastadas do centro, e também à oferta, pois é possível que seja ofertado apenas um quarto e não o apartamento inteiro.

ONDE ACHAR?

AirB&B – a maior rede de aluguel de casas e apartamentos do mundo. Use esse link e ganhe R$ 75,00 para sua primeira reserva.
Roomorama – clique e use o código da imagem abaixo do Roomorama para ganhar 20% de desconto na próxima reserva.
Para quem pretende ficar mais de um mês na mesma cidade vale olhar nos classificados locais para achar opções mais em conta.

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem, Aluguel de apartamento

ACAMPAR

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem pelo mundo Essa opção é mais viável para os aventureiros que viajam com equipamento de camping, pois você precisa ao menos de uma barraca e saco de dormir. Mas é definitivamente uma forma bem barata de viajar. É sempre posssível achar áreas gratuitas para montar a barraca, existem comunidades onde a pessoa oferece o jardim dela para você acampar a um custo baixo, além de vários campings com ótimas infra-estruturas espalhadas pelo mundo todo. Se te der vontade na viagem compra uma barraca ou em alguns lugares é possível alugar

ONDE ACHAR?

CampInMyGarden a única comunidade de pessoas que oferecem o seu jardim com opções no mundo inteiro, mas eles cobram diária.
iCampsites aplicativo que mostra os campings mais perto de você na Europa.
iOverlander mais forte nas Américas e África, mas está crescendo rápido. Também tem um aplicativo.

BARCO

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem pelo mundo Pode ser um transporte de barco noturno e você vai economizar na hospedagem, como existe na Tailândia. Pode ser para conhecer um determinado lugar onde a única opção é indo de barco, comom em Ha Long Bay no Vietnã e nas Ilhas Komodo na Indonésia. Pode ser a bordo de um navio de carga para cruzar o continente. Pode ser uma hospedagem em barco, como existem muitas em Amsterdam.

 

 

HOTEL

ViraVolta, Volta ao Mundo, Viagem pelo Mundo, Viagem Longo Prazo, Mochileiros, Hospedagem pelo mundo Essa é a opção mais convencional de todas. Nós não somos muito fãs de hotéis de rede principalmente, pois eles são sempre parecidos e sem muita personalidade. Hotéis menores e locais tendem a ser mais interessantes, mas dificilmente você encontra por preços baixíssimos. Porém em países de baixo custo, hotéis simples de 2 estrelas podem sair mais barato que um hostel. Por isso vale pesquisar.

Para buscar opções com mais luxo de vez em quando, uma ótima alternativa é tentar as ofertas de último minuto. Buscando ofertas de 1 a 2 dias antes apenas você pode pagar hotéis de 4/5 estrelas pelo preço de 2/3. Nós ainda consideramos essa opção cara para um orçamento de viagem longo prazo, mas se você quiser se dar um presente durante a viagem, pelo menos vai conseguir pagar menos por ele. Essa opção funciona melhor em países mais caros, como EUA, Canadá, Austrália e países da Europa.

ONDE ACHAR?

Agoda – esse site oferece ofertas por menos de 10 USD na Ásia principalmente. Mas mesmo em países caros tende a mostrar opções mais em conta.
Booking.com – o site de reserva de hotéis mais conhecido no mundo todo. Você só paga quando chega na hospedagem e muitos permitem cancelamento gratuito.
Hotelscan o site busca os preços em vários sites de hospedagem diferentes, inclusive no booking.com, vale como fonte de comparação.
OBS: Na hora de avaliar os preços não esqueça de ordenar “Por preço” ou “Cheap First”.
Hotwire e Priceline são dois sites especializados em ofertas de último minuto. Geralmente você não pode escolher o hotel, apenas a região da cidade. Mas quem usa diz que sempre se dão bem.







Booking.com

COMO ENCONTRAR HOSPEDAGEM BARATA

Já vamos avisando, a internet não é a forma mais adequada para encontrar as opções de hospedagem mais baratas, a não ser para buscar as ofertas de último minuto de hotel e para fazer parte das comunidades para dormir com locais e house sitting.

DICAS PARA ENCONTRAR AS OPÇÕES MAI BARATAS:

  • Evite reservar pela internet: quando você faz isso tem que escolher somente entre as opções da internet e você nem vai ter a chance de procurar uma opção mais barata chegando na cidade. Além disso, fazer reserva antecipada trava muito a viagem. Lembre-se que essa não é uma viagem de férias. Veja mais dicas na próxima aba.
  • Use os guias de viagem apenas como referência: os guias como o Lonely Planet sempre colocam opções bem baratas, o problema é que uma vez que ela entre pro guia fica muito popular e os donos acabam aumentando o preço rápido, com raras exceções. Use o guia apenas para entender onde tem uma concentração de hospedagem na cidade. Onde tem algumas, também existem várias outras e você certamente vai encontrar uma opção mais barata.
  • Procure hospedagem com as suas perninhas: a melhor forma de encontrar as opções mais baratas é caminhando pela cidade. Veja as áreas de concentração de hospedagem no guia conforme mencionamos acima e explore a região da cidade a pé, até encontrar algo com melhor custo benefício. Eu sei que parece complicado falando, mas não demora tanto assim pra encontrar. É bem mais fácil do que você imagina.
  • Peça dicas para outros viajantes no caminho: essa é a que funciona melhor. Você sempre encontra viajantes que estão fazendo o caminho oposto ao seu e pode te passar dicas dos lugares que ele se hospedou com um bom custo. Além disso, você percebe se aquele viajante tem um estilo parecido com o seu e pode confiar mais na recomendação dele, o que nunca funciona muito bem pela internet.
  • Negocie: se você vai ficar vários dias vale a pena negociar. Esses lugares mais baratos não são como as grande redes de hotel com tarifa no sistema e zero flexibilidade.

FICA A DICA

Como cada lugar é sempre uma surpresa o melhor é pedir para ver o quarto antes de decidir. Cheque se a cama e o travesseiro são confortáveis, dê uma olhada no banheiro, confira a limpeza e sinta se o ambiente te agrada. Essa é uma prática muito comum entre os viajantes de longo prazo.

FAZER RESERVAS DE HOSPEDAGEM OU NÃO

Eu sei que quando você sai de férias por 20 dias você pesquisa tudo da viagem, decide quantos dias vai ficar em cada cidade, o que vai visitar e faz todas as reservas antecipadas. Mas você já imaginou fazer isso por 1 ano ou mais? Sem noção! Fazer reservas antecipadas de hospedagem não é uma boa opção. Esqueça esse conceito. Viajar por longo prazo tem uma dinâmica diferente.

COMO A MAIORIA DOS VIAJANTES DE LONGO PRAZO FAZ?

Eles quase nunca fazem reserva, pois travaria muito a viagem. Funciona assim: um dia você acorda e decide ir embora daquela cidade, ou decide que você está apaixonado e quer ficar mais dias no lugar. Tudo é incerto. Por mais que você tenha uma idéia dO seu próximo destino é difícil ter certeza quando você vai querer partir. Por isso os viajantes preferem se sentir livres e procurar pela hospedagem somente quando eles chegam no próximo destino.

Você poderia sim tentar reservar sempre um dia antes de partir (se você tem certeza que vai embora naquela data), mas você provavelmente vai pagar mais caro reservando pela internet (como já afirmamos na aba anterior), se você mudar de idéia vai ter que administrar o estresse de cancelar ou mudar a data e já pensou ter que se preocupar com isso 160 vezes em um ano? Ninguém merece. Afinal, você quer gastar o seu tempo interagindo com o lugar ou com a internet para achar uma hospedagem?

EM QUAIS CASOS É MAIS RECOMENDADO RESERVAR A HOSPEDAGEM?

  • Cidades muito grandes e popularmente turísticas: em cidades grandes as hospedagens estão muito espalhadas e fica cansativo sair procurando a pé. Além disso, se elas são muito turísticas corre um grande risco de muitas hospedagens estarem lotadas, o que dificultaria ainda mais a busca.
  • Se você for chegar no próximo destino a noite: você deveria sempre evitar de chegar a noite, mas caso aconteça é melhor reservar, pra não correr riscos e nem passar perrengue.
  • Em períodos de festividade: se aquela cidade vai bombar por causa de um festival ou data especial e tem grandes chances de estar quase tudo lotado.
  • Por causa de uma recomendação imperdível: se um viajante te recomendou um lugar mágico e maravilhoso e você não quer correr risco.

Do mais, pode relaxar. Vai sem reserva que vai dar tudo certo. Nós ficamos 2 anos pelo mundo fazendo assim e nunca ficamos na rua porque não encontramos um lugar pra dormir. Funciona bem e é mais fácil do que parece. Ainda ta achando complicado? Olha lá o medo do desconhecido batendo outra vez.

Agora ficou mais fácil.

Se você achava que ficava impossível viajar o mundo por conta da hospedagem, provamos que não. Chega de desculpas, vá experimentar o mundo e viva uma aventura diferente, até mesmo para dormir. Pode ser mais empolgante do que você pensava e tem opções para todos os bolsos. Leia também os próximos capítulos e vamos tirar todas as suas dúvidas.

Existe alguma dúvida que ainda não conseguimos responder? Então deixe um comentário lá embaixo da página e contribua para melhorarmos o conteúdo. Vamos esclarecer tudo. A sua dúvida pode ser a dúvida de outros viajantes. Colabore!

ÚLTIMOS POSTS

Um guia completo para viajar barato pelo mundo.

Curtiu? Então compartilha!

O que você acha? Escreve aí pra gente!